sexta-feira, julho 31, 2009

Vice Squad no Rebellion

Mão Morta em Cinfães




No próximo Domingo, dia 2 de Agosto, os Mão Morta deslocam-se a Cinfães (Viseu, Marco De Canaveses) para uma actuação integrada na 2ª edição do Festival da Juventude da região...

O início está marcado para as 22 horas e o evento que se realiza no Largo da Feira, engloba um concurso de bandas de garagem, para além de diversas demonstrações de desportos radicais...


Concertos em Aljezur

Sinner Fest 2009

... hoje em Plymouth, com Marky Ramone, Michale Graves, entre outros.



Catch this awesome show and see the legend himself....Marky Ramone...kick the ass out of Ramones songs with Michale Graves on vocals, Alex Kane on Guitar and Clare on bass



Overcome - concerto de lançamento


quinta-feira, julho 30, 2009

Abrasive Wheels "Skum"

Novo álbum dos Abrasive Wheels...


Abrasive wheels


Mais detalhes clicando aqui!

Crise Total com Ervas Daninhas na Moita



Organização: RL Produções
http://www.myspace.com/rocklabprod



Albert Fish no Leste

Os Albert Fish preparam-se para voltar ao Leste onde vão tocar na Eslováquia pela primeira vez, e irão regressar à Hungria, país que já bem conhecem.

Dia 25 Setembro tocam em Nove Zamky, cidade no sul da Eslováquia.






Dia 26 Setembro tocam no Fort Monostor em Komarom, Hungria, onde serão cabeças de cartaz do Dinamo Punk Rock Fest.


quarta-feira, julho 29, 2009

Defying Control - concertos e novidades


NOVIDADES DEFYING CONTROL!!


@ Próximos concertos dos Defying Control:
4 de Agosto: Com a banda mítica de punk Mata-Ratos na Festa em Honra do Senhor Jesus dos Aflitos em Vila Chã de Ourique, Cartaxo pelas 22h.
15 de Agosto : Com os Linda Martini na Festa em Honra de S. Pedro em Manique do Intendente pelas 22h.




Mais informações sobre a banda em "Comments" já abaixo...

The Hateful ao vivo em Londres

Um dos projectos recentes de Victor Torpedo (Parkinsons, 77, Parkinsons, Blood Safari, Tiguana Bibles) que se formou em 2008, a banda punk The Hateful vai actuar no próximo dia 30 de Julho em Londres, no espaço South Of The Border...




Este projecto conta com Samuel Palitos, o baterista de sempre dos Censurados...

Podem conhecer a sonoridade dos The Hateful, visualizando este vídeo captado ao vivo numa actuação da banda ainda em 2008...


THE HaTeFuL Live at Dirty Water




Podem obter mais informações, clicando aqui!

WITH MEMBERS OF THE PARKINSONS BLOOD SAFARI CHINESE LUNGS KING SALAMI CENSURADOS THE SEMINALS THE LONDON GUNS COMES A NEW SOUND TO HIT THE STREETS AFTER FORMING IN FEBRUARY 2008 HAVE ALREADY STORMED THE STAGE MANY MANY TIMES AND 2009 PROMISES TO BE ANTHOTHER EVENTFuL YEAR SO GET READY FOR AN INVASION NEAR YOU.....


UK Vacant "This Society"

Debut Album coming soon!!!!!!!!







Live at Cambridge, Midlands...

Desordem Urbana - nova zine

compra! lê! divulga!


Mais info...

www.myspace.com/desordemurbana

desordem.urbana@hotmail.com

Alentejo Sem Lei Fest 2009

Frase do dia...

«Se mais um 'jornalista' faz uma afirmação infundada sobre mim e a minha banda, vou pessoalmente ou com a ajuda dos meus fãs, cumprimentá-lo a sua casa e descobrir o quanto essa pessoa acredita na sua liberdade de expressão...»

Marilyn Manson

Loud! - edição nº 101

Já está disponível a 101ª edição da revista Loud!, especializada em hard´n´heavy...




Nesta edição podemos encontrar referências aos Biohazard, Municipal Waste, Anti-Clockwise, Defying Control, Hardcore Superstar, Duff McKagan´s Loaded, The Ocean, Bizarra Locomotiva, Devin Townsend, Dawnrider, Terror, Jarboe e muito, mas muito mais.

terça-feira, julho 28, 2009

Decreto 77 "Killing Trends - The Early Years" CD

DECRETO 77

killing trends - the early years CD


Free download here --> http://www.mediafire.com/?zzdzzzwnein

Includes: 13 song cd + artwork + lyrics

www.myspace.com/decreto77

While the band's finishing the recording sessions of the debut full-length, it's available this 13 old songs recorded from 2004 to 2006. Includes one unreleased song, songs from two split CD's and the complete first demo from this Punk-Rock band from Almada, Portugal.

For fans of Anti-Flag, Bad Religion, Pennywise, 7 Seconds and all good punk-rock and HxC bands in general.

Tracklist:
01. You're Thrash (unreleased)
02. Big Bucks (2006)

03. Sick Society (2006)
04. No Trendy Winds (2006)
05. Our Own Way (2005)
06. Destroy (2005)

07. Mais Não (2005)

08. Yeah Right (2005)
09. World Peace (2004)

10. You Don't Move An Inch (2004)

11. És Uma Merda (2004)

12. Vício Maldito (2004)

13. Punk Rock Elite (2004)

Infected Records DIY
label & show promoter & management * Portugal

www.myspace.com/infectedrecordsdiy
www.myspace.com/infectedrecordsdiyfest
www.myspace.com/riotnotquietzine

S.P. Punk - Vol.1

Compilação brasileira...



Frase do dia...

«Os Nine Inch Nails tem o pedido mais original do festival, a banda não viaja sem garantir com grande preocupação a sua manteiga de amendoim e pedem 600 águas de 0,5 Lt... já The Hives fazem questão de só beber cerveja portuguesa...»

Detalhes sobre a edição deste ano do festival Paredes De Coura

The Casualties "We Are All We Have"

...provável capa do novo álbum da banda americana, disponível em Agosto!




When you pre-order the Casualties new record "We Are All We Have" from SideOneDummy.com you will get a free exclusive T-shirt featuring artwork from the bands new record.

You can check out a review of the album
HERE and you can listen 2 new tracks HERE

CLICK HERE TO PRE-ORDER WE ARE ALL WE HAVE




Charles Manson quer conselhos musicais de Phil Spector

Assassino e colega de prisão enviou bilhete para o produtor.

'Antes, quem me ligava era John Lennon', reclama Spector.

Segundo o jornal “The New York Post”, um guarda da prisão estadual de Corcoran, na região central da Califórnia, entregou para o produtor um bilhete assinado por Manson que dizia que Spector seria “o maior produtor que já existiu”.

Charles Manson, assassino e líder de seita na década de 60, condenado à prisão perpétua pela morte da atriz Sharon Tate e de outras cinco pessoas em 1969, quer ressuscitar a sua carreira musical (artistas como Beach Boys e Guns N' Roses chegaram a gravar músicas suas), e parece estar contando com a ajuda do seu companheiro de prisão, o produtor musical Phil Spector, que já trabalhou com os Beatles e com os Ramones.

''Eu acho que Manson quer algum tipo de aconselhamento musical de Phil, que era um deus da música nos anos 60 com seu ‘wall of sound’”, diz Hal Lifson, assessor de Spector, condenado a 19 anos de prisão pela morte da atriz Lana Clarkson. “Mas o Phil fica dizendo, ‘antigamente eu costumava atender ao telefone e era John Lennon, Celine Dion ou Tina Turner, e agora é o Charles Manson quem quer falar comigo!’”.

Concertos no Estudantino - alteração de Banda

Viva Malta! No próximo dia 1 não vamos poder contar com a presença dos cães danados cá em Viseu, parece que foram apanhados pela ASAE porque não tinham as vacinas em dia. :D Esperamos poder contar com eles por cá noutra altura, mas entretanto, por vez deles trazemos uma banda natural cá de Viseu, os Promethevs.

Os viseenses PROMETHEVS começaram a banda em 2007 inspirados no herói da mitologia Grega: “Prometeu”. A sua sonoridade divide-se em vários estilos musicais tais como metal, hardcore, punk.

Em 2008 lançaram o seu primeiro trabalho discográfico o CD/EP “From Our Hearts”

Depois de vários concertos de apresentação do EP a banda foi de novo para o estúdio gravar o recente single “A Dark Cloud Lies In My Existence”, que será tocado ao vivo dia 1 de Agosto!


Mata-Ratos e Cães Danados no Nyktos Bar

A mítica banda punk-rock portuguesa Mata-Ratos actua no Nyktos Bar, nas Alhadas, Figueira da Foz, no próximo sábado, 01 de Agosto, a partir das 23h00.

O grupo, liderado por Miguel Newton e formado em Oeiras em 1982, promete um concerto que, mais do que mero revivalismo, será um desfile de clássicos como “A Minha Sogra é um boi”, “Deus Pátria e Família” e “CCM”.

O espectáculo conta ainda com a actuação, na primeira parte, da novel banda de punk-rock da Figueira da Foz, os Cães Danados, autores do já consagrado “Punk Português”.

A formação original da banda figueirense é: Paulo Dâmaso (voz e baixo), Luís Furet (guitarra solo), Miguel “Migalhas” Ângelo (bateria) e Pedro "Stif" Gaspar (guitarra ritmo).

Através de canções simples e directas, cantadas em português, os Cães Danados pretendem chamar a atenção para os problemas actuais como a fome, desemprego e a injustiça social.

Os ingressos para o espectáculo custam 5 euros.

http://www.myspace.com/caesdanados

http://www.myspace.com/mataratos1982

segunda-feira, julho 27, 2009

Tara Perdida com Xutos no Restelo

Os Tara Perdida vão fazer parte do espectáculo dos Xutos & Pontapés que se realiza no Estádio do Restelo...



O evento é o culminar da digressão dos Xutos e realiza-se no próximo dia 26 de Setembro...

Os bilhetes estão à venda e custam entre 25 a 35 euros.

Ervas Daninhas "Sementes Da Desordem"

É mesmo isso malta, à espera de edição em CD, o 1º EP dos ERVAS DANINHAS já tem as malhas disponíveis para que as ouçam, sempre de volume no máximo e de preferência com as portas e janelas abertas.

De momento ainda sem o seu formato completo, num medley de vários momentos do EP, mostra-se os temas que fazem parte deste trabalho de titulo "SEMENTES DA DESORDEM", o 1º EP dos ERVAS.

Após alguns avanços, retrocessos, inversões de marcha a queimar traços contínuos, ultrapassagens pela direita e outras infracções ao código das pautas, eis que se concluiu a obra, numa versão tipo "tunning" da banda Pinhalnovense.

Mas nada mais se poderá aqui dizer que valha realmente a pena ou que faça real sentido... O melhor mesmo é ouvir, curtir, pensar e se não se conseguir digerir, vomitar.

Forte abraço a todos!!

ERVAS DANINHAS
PUNK'S UNIDOS
http://www.myspace.com/ervasdaninhasz



5º Tattoo & Rock Festival

Frase do dia...

«Nós queríamos fazer um álbum para comemorar os 30 anos da banda... nem tínhamos nenhuma expectativa de tentar criar melhor música ou diferente do que tínhamos feito... mas contámos com a participação de vários músicos, entre eles Lemmy Kilmister dos Motörhead...»

Enid Williams
(baixista das Girlschool, sobre o novo álbum "Legacy")

Crise Total - concertos na Moita e Porto



Mais detalhes brevemente...

sábado, julho 25, 2009

The Virus "Pull My Strings" vídeo

Aqui fica um vídeo dos The Virus, numa actuação ao vivo na Filadélfia (E.U.A.), cidade onde a banda se formou...




Podem obter mais informação sobre a banda, clicando aqui!

SK6 ao vivo...


http://www.myspace.com/sk6

http://www.youtube.com/user/SK6ordie

http://sk6ordie.hi5.com

http://www.freeyourmind-productions.net/

sexta-feira, julho 24, 2009

Gazua e Peste no Avante!

Os Gazua e os Peste & Sida estão confirmados na edição deste ano da Festa Do Avante!

O evento realiza-se nos dias 4, 5 e 6 de Setembro, mas ainda não foi avançada a programação com horários.

Do cartaz, fazem parte também os Ska-P, Skalibans, entre muitos outros.

Podem obter mais info clicando aqui!

Concerto em Viseu

Outside D.I.Y. Apresenta:

(http://www.myspace.com/vsoutsideproductions)

(http://www.outsideproductions.blogspot.com)

1 de Agosto – Estudantino café/bar – Jugueiros Viseu pelas 22h30

Entrada – 3€

No dia 1 de Agosto vamos poder contar com a presença dos Cães Danados (punk rock da Figueira da Foz) e dos Eskizofrenicos (punk rock do Porto) no Estudantino em Viseu.

CÃES DANADOS (http://www.myspace.com/caesdanados)
Os Cães Danados são uma banda punk rock, cantado em Português, formada em Abril de 2009. Oriundos da Figueira da Foz, e com influências de várias vertentes do rock, os Cães Danados têm como principais fontes de inspiração os Mata-Ratos, Peste e Sida e Censurados, entre outros.
A formação original da banda é: Paulo Dâmaso (voz e baixo), Luís Furet (guitarra solo) e Miguel “Migalhas” Ângelo (bateria). A 19 de Maio de 2009 a matilha ganhava mais um "canito", com a entrada do guitarrista Pedro "Stif" Gaspar.
Através de canções simples e directas os Cães Danados pretendem chamar a atenção para os problemas actuais como a fome, desemprego e a injustiça social.

ESKIZOFRENICOS (http://www.myspace.com/eskizofrenicosband)
Lixo,podridao urbana,caos,demencia,medo,frustaçao,poluiçao,stress,doenças,vírus,vida moderna,Morte!!
Tudo isto é sinónimo de Eskizofrenicos.
Fechados num esgoto desde 2006,estes rockers vem de quando em vez á superficie para mostrar aquilo que a civilizaçao tenta enterrar: um enorme poço de merda, prestes a arrebentar!!

Concerto no Bacalhoeiro

...local alterado.

Reggae/ska no Bar 36

Hoje há uma sessão de reggae, ska e derivados pela mão do Selectas Famel, DK e Patsy.

É no Bar O Trinta e Seis no Bairro Alto (Lisboa) e começa pelas 22 horas...

A entrada é livre.

Podem obter mais info em...
http://www.myspace.com/466905329

Wattie (The Exploited) - 53 anos

Hoje é dia de aniversário de Wattie Buchan, o conhecido vocalista da banda escocesa The Exploited...




Wattie nasceu em Edinburgo, onde viria a formar a banda em 1979.

Cedo começaram a arrastar fiéis, especialmente após vários singles editados com aceitação e o primeiro álbum "Punk's Not Dead" em 1981, que definitivamente ficou para a história do punk...

No mesmo ano, promoveram a Apocalipse Punk Tour com os Discharge, Anti-Pasti, Infa Riot e ainda os Chron Gen...


Wattie manteve os Exploited sempre activos ao longo destes anos, com oito álbuns editados...

* Punk's Not Dead - 1981
* Troops of Tomorrow - 1982
* Let's Start a War (Said Maggie One Day) - 1983
* Horror Epics - 1985
* Death Before Dishonour - 1987
* The Massacre - 1990
* Beat the Bastards - 1996
* Fuck the System - 2003


...para além de imensas edições em singles, EP's, discos ao vivo, vídeos (posteriormente editados em formato DVD) e participações em compilações, sendo ainda homenageados em discos-tributo.

A banda que passou por Portugal em Novembro de 2008, realizou recentemente uma tour pela Rússia...




"To me punk is about standing up for your self!"


quinta-feira, julho 23, 2009

Calendário no Billy News

Já nem é preciso avisar, o pessoal já sente o fim-de-semana aí à porta...

Vão escolhendo as propostas para os próximos dias e podem fazê-lo espreitando o Calendário do Billy News em...

http://billy-news.goodforum.net/calendar.forum

...há bandas a actuarem ao vivo como os Xutos & Pontapés, Piss!!, The Act-Ups, Gazua, Peste & Sida, Revolta, Subcaos, Albert Fish, só neste fim-de-semana!

Kylakancra - concerto

Revolta em Loures

Dia 25 Julho - Loures - Festival Best Rock FM - 22h

c/ Fonzie, Slimmy, UHF e Drive (entrada livre)

Para saberes mais clica em http://bestrock.clix.pt/ ou sintoniza o teu rádio em 101.1 Lisboa ou 105.8 Porto

No space da REVOLTA podes escutar mais um tema do recentemente editado cd "Ninguém Manda em Ti" bem como ler noticias e criticas que têm sido feitas ao disco:

-Revolta = Intervenção - Jornal Correio da Manhã
-Ruptura de Stocks!!!
-Entrevista no blog "A Trompa"
-Review ao cd "Ninguém Manda em Ti" por Billy News
-Comprar online

Obrigado pelo teu apoio

Contamos contigo!

CD "Ninguém Manda em Ti" da REVOLTA à venda em todas as lojas

http://www.myspace.com/revoltarock

quarta-feira, julho 22, 2009

Festactiva em Figueiró dos Vinhos

Frase do dia...

«Com The Ukrainians ouviu-se o folk dos balcãs com cheiro a punk britânico, ao interpretarem "Anarchy In The UK" no palco do festival... até os vizinhos dançavam na varanda de suas casas ao som desta autêntica festa...»

review do Festival de Música do Mundo de Sines

terça-feira, julho 21, 2009

Subcaos com Albert Fish em Sintra

Skunk Party 2 - Brasil


Piss!! ao vivo...


Biohazard em Portugal - amanhã

...dia 22 de Julho, os Biohazard actuam no Cine-Teatro de Corroios!



Info sobre o evento, clicando em "Comments" já abaixo...
«Sofro de cancro localizado na garganta... segundo o meu médico, por ter sido diagnosticado logo após sentir um alto, ainda está numa fase tratável... infelizmente o nosso álbum 'Hot Sauce Committee' agendado para sair a 15 de Setembro vai ser adiado... peço desculpa aos nossos fãs e a quem tencionava ir ver-nos ao vivo...»

Adam Yauch
(dos Beastie Boys, num vídeo de sua autoria em jeito de mensagem)

Manifestação Anti-tourada

Sem Talento "Portugal Na Merda" CD



Podes obter mais info e ouvir 3 faixas deste disco em...



CRUSTING YOUR EARS!


Dúvidas ou pedidos para:

semtalentopunk@gmail.com









Rock na Moita

segunda-feira, julho 20, 2009

Lacóbriga Check Sound

Paul Cook - 53 anos

Foi no dia 20 de Julho de 1956 que nasceu em Londres Paul Thomas Cook, o baterista dos Sex Pistols...




Para além da famigerada banda, Cook integrou vários projectos como The Strand (com Steve Jones, ainda antes dos Sex Pistols), The Professionals, Chief Of Reliefs, Man-Raze, entre outros (quer como convidado, quer como músico de estúdio contratado).

Billy News - QSS 111

Chegámos à 111ª questão aqui colocada no Billy News Quem Sabe Sabe...

A pergunta é extremamente simples...



Qual o nome do músico da imagem acima?

Apesar da resposta não ser simples ou demasiado fácil, sempre podem ir dando palpites...

Para responder é só clicar em "Comments" já abaixo e escrever a resposta...

Antitude - blog de divulgação punk/hardcore

Aqui fica a proposta de espreitarem o excelente blog Antitude...



http://antitude.blogspot.com/

Homenagem e divulgação do punk hardcore tuga e suas derivações.
Desde o old school até aos últimos lançamentos.



domingo, julho 19, 2009

Vice Squad "London Underground" disponível

LATEST UP TO THE MINUTE NEWS......

Brand new album LONDON UNDERGROUND is now available to buy online RIGHT NOW !


Limited to 1,000 copies on the bands own LAST ROCKERS RECORDS this project is entirely self-funded and contains entirely brand new songs that sees a welcome return to Vice Squad's classic punk sound.

Order your copy now from anywhere in the world - the first 100 orders will get a free pin badge specialy made for the US tour.

We are making a special price of only £11.99 including FREE DELIVERY anywhere in the world so get yours now !

Support TRUE DIY Punk Rock and order your copy of LONDON UNDERGROUND online right now. No corporate record companies or lying, cheating music industry rip-off's get your money. You can be safe in the knowledge that Vice Squad are being supported by YOU the real fans of UK Punk.
You support the real spirit of punk by getting a CD direct from Vice Squad Shop.

CLICK HERE TO ORDER



Mata-Ratos – entrevista



A banda punk portuguesa que mais anos tem de actividade ininterrupta (salvo vários momentos, em ‘hibernação momentânea’ devido às constantes alterações da sua formação), está de volta.

E para quem pôde constatar ao vivo, inequivocamente em força!

Após integrarem um novo guitarrista (Pedro Charneca) e o prepararem devidamente, lançaram-se ‘de cabeça’ ao que mais gostam de fazer... actuar ao vivo.

Num excelente regresso em Março deste ano (após paragem de concertos ao longo de alguns meses) em que tiveram no In Live Caffé da Moita com a sala completamente esgotada, seguiram-se várias actuações pelo país fora, com efusivas prestações.

É sobre este regresso que o Billy News quis abordar o vocalista Miguel Newton, a ‘face visível’ desta banda que se recusa a ‘baixar armas’, desde a sua formação, em 1981.





Billy– O regresso na Moita foi quanto a mim o melhor possível, com uma boa prestação em palco e especialmente porque mais ninguém conseguia entrar na sala. O calor foi arrasador, especialmente com a movimentação do público, mas o facto de muita gente não querer perder este regresso (o motivo principal), foi bastante motivador. Concordas com esta ideia?


Miguel Newton- sim, plenamente, mas certamente ninguém tinha mais “sede” do que nós para ver os Mata-Ratos a tomar de assalto as tascas. A ausência de um palco, de mais uma festa tribal, é para nós semelhante à falta de heroína para um carocho, choramos baba e ranho por mais uma dose. Não necessitamos de grande motivação para levar a infâmia aonde ela é precisa mas constatar que fazemos alguma falta a alguém só pode aumentar a nossa já elevada vontade de demência.



Billy- Nos concertos seguintes, conseguiram maior entrosamento, especialmente com o novo guitarrista? Foi fácil a integração deste novo elemento?


Miguel Newton- Quando o Tiago (Arlock) Dias deixou de fazer parte da banda pareceu-nos uma tarefa espinhosa conseguir um substituto à altura dado o nível de amizade e confiança a que tínhamos chegado. Fizemos audições e estávamos a ver a coisa mal parada mas quando apareceu o Pedro vimos a luz ao fundo do túnel. A empatia foi imediata e a amizade começa a cimentar-se muito rapidamente pois além de guitarrista excepcional é uma pessoa 5 estrelas.



Billy- Têm conseguido alguma regularidade de actuações, ou seja, uma clara aceitação da sonoridade da banda por parte de quem promove eventos. Uma das ‘surpresas’ ao longo dos últimos anos tem sido a participação em festivais de hard’n’heavy. Sei que obtiveram reacções positivas, em alguns até bastante efusivas chegando a ser considerados como uma das melhores bandas do cartaz. Podes-me dizer algo sobre isso?


Miguel Newton- Não são os discos que já lançamos, as polémicas que causamos, os amores e ódios que suscitamos ou as décadas que por cá andamos a partir cascalho que revelam a nossa influência no panorama musical português. Tudo isso é folclore, o que importa é o resto: as pessoas que conhecemos nos concertos, de quem não fugimos nem nos escondemos, que nos revelam qual o papel da nossa música; os episódios marcantes das suas vidas, por vezes trágicos por vezes cómicos, a ela ligados; os músicos e bandas que começaram por tocar temas nossos, alguns que decidiram formar bandas após ouvirem Mata-Ratos; a transmissão do amor pela nossa infâmia de pais para filhos, entre irmãos, entre gerações. Tudo isso nos confunde e enche de alegria e orgulho comedido. Haverá sempre quem nos considere básicos, superficiais, desprovidos de conteúdo e profundidade. Ainda bem que assim é, apoiamos a 100% a discórdia que causamos, pois se agradássemos a muita gente algo de errado estaríamos certamente a fazer. Tudo isto apenas para dizer que tal como “penetramos” várias gerações também não somos travados por barreiras musicais artificiais. Quem gosta de metal pode sem qualquer pudor gostar de Mata-Ratos tal como quem gosta de vinho também vira três copos de bagaço sem piscar um olho. Há quem ouça hip-hop e goste de Mata-Ratos, é algo que não nos choca nem estranhamos. Quem começou a ouvir-nos de tenra idade pode avançar para outro tipo de sonoridades mas nunca terá vergonha de confessar que Mata-Ratos é que partem a loiça toda. As pessoas tentam apenas retribuir um pouco daquilo que lhes temos dado. Agradecemos. Não somos a melhor das bandas mas temos certamente o melhor dos públicos.



Billy- A vossa edição do disco-duplo ao vivo foi excelente, na minha opinião trouxe pujança a alguns hinos da banda. O vosso último trabalho “Novos Hinos...” saiu em finais de 2007, quanto a mim é um excelente disco, talvez um dos melhores trabalhos de sempre dos Mata-Ratos. Apesar disso, pareceu-me que ‘passou ao lado’ de muita gente. Tens essa perspectiva ou pelo contrário, obtiveste um considerável feedback?


Miguel Newton- A industria discográfica, como é certo e sabido, está mais moribunda do que um esquimó com peste suína e o investimento na divulgação é consequentemente mais reduzido. As bandas e os seus discos obedecem ás leis do mercado e são vendidos consoante o que neles se invista em Marketing. Sem taco a mensagem não passa. Neste aspecto – bandas e música - não são diferentes de papel higiénico ou o champô para a caspa com que nos bombardeiam na televisão. Mas, sempre contentes da vida, não somos pessoas para nos queixar e damo-nos por felizes que haja alguém que aposte em nos. Quem ouviu o disco e nos aborda sobre o assunto dá-nos sempre feedback positivo mas é sempre suspeito já que nunca sabemos se não terão é medo de dizer mal à espera que lhes espetemos com uma barra de ferro na pinha. Mas como muitos loucos aparecem nos concertos e cantam os novos temas a plenos pulmões as coisas parecem-me sempre bem encaminhadas. Os CD’s também vendem bem nos concertos. De qualquer modo não temos a ambição de chegar mais longe. Os discos são apenas um meio de obtermos o que queremos: cerveja à paleta e palcos para conspurcar.



Billy- A vasta discografia da banda fala por si, são cerca de 20 edições divididas em ‘demos’, EP’s’, álbuns e participações em compilações. Apesar disso, nunca obtiveram uma visibilidade próxima do famigerado “Rock Radiactivo” (editado em 1990, que na altura atingiu o 6º lugar no Top de Vendas Nacional). Em termos gerais, não te preocupa que sejam apelidados de uma ‘banda de hinos’, mas apenas com temas soltos (por álbum) a ficar na memória do pessoal?


Miguel Newton- Não tenho preocupações desse ou doutro estilo. Não vejo mal em sermos apelidados de “banda de hinos” já que o mais normal é apelidarem-nos de “porcos nazis” ou algo do género. Nunca conseguiremos tocar todos os temas que nos pedem durante os concertos e há pedidos que são mesmo estranhos e raros pelo que os outros temas não passam assim tão ao lado do pessoal. Há sempre um tema que é por algum motivo um hino para alguém. Já há quem tenha escolhido um tema de Mata-Ratos para sua introdução num combate de um campeonato de Jiu Jitsu. Por certo chegará o dia em que um casal dirá: “Querida estão a passar a nossa música, o “Juntos Para Sempre” dos Mata-Ratos! Por isso acho que todos os nossos temas são e serão sempre hinos. Há quem conhece letras de álbuns de fio a pavio e não sou certamente eu que tenho a tendência a ficar com os neurónios entorpecidos pelas brumas etílicas da memória. O “Rock Radioactivo” vendeu o que vendeu e chegou aonde chegou graças ao poder e marketing de uma editora. Nesse aspecto não difere muito do detergente que lava as nódoas mais entranhadas. Agradecemos o empurrão mas há que regressar à clandestinidade e seguir em frente.



Billy- Têm alguns temas novos finalizados? Planeiam apresentá-los ao vivo brevemente e há alguma ideia para um eventual lançamento de novo álbum?


Miguel Newton- Não somos profissionais da música pelo que o tempo que despendemos em ensaios não é muito alargado. Acresce que quando há concertos temos que parar e perder algum desse precioso tempo a ensaiar o set a tocar. Mas está tudo a correr mais depressa do que era expectável. O Pedro está a trazer-nos novos temas que são do agrado geral e se estão a aninhar confortavelmente nos nossos neurónios. Neste momento já temos três “fresquinhos” e prontos para entrar em acção: “Onde Estavas no 25 de Abril?”, “Venha outro Santo” e “Fora do Baralho”. É previsível que em breve venham a ser integrados no set ao vivo pois é o nosso procedimento normal para que não fiquem em pousio pelas pausas trazidas pelos concertos. Contamos gravar dois deles rapidamente para lançar um split 7” vinil com uma banda de fora.



Billy- Nos próximos três meses os Mata-Ratos têm confirmadas actuações em Guimarães, Cartaxo, Évora, Tomar e Lisboa, o que para ‘meses de verão’ é bastante positivo. Há mais datas pré-agendadas, em diferentes zonas do país?


Miguel Newton- Há já outras datas em cima da mesa mas prefiro não falar nelas porque muitas vezes acabam por não se concretizar.



Billy- Obrigado pela entrevista. Alguma mensagem especial para os fãs da banda, que ainda se mantêm ferverosos em 2009?


Miguel Newton- Não será exagero dizer que sem vocês não somos nada. Vocês fazem a Festa Tribal e nos providenciamos a banda sonora. Não dêem de beber aos animais!





Neste momento, os Mata-Ratos são Miguel Newton (na voz), Lemmy Jackson (no Baixo), Ricardo Viagra (na Bateria), Pedro Charneca (na guitarra) e Xico Pequeno (como convidado no Saxofone).

Podem obter informações sobre as próximas actuações, bem como detalhes sobre a banda acedendo a...

http://www.myspace.com/mataratos1982




Concerto hoje...

Gafrock Festival

sábado, julho 18, 2009

Re-Censurados com Orlando Cohen

Os Re-Censurados, a banda de tributo aos Censurados, ao vivo com Orlando como convidado no tema "Confusão"...


RE-CENSURADOS *CONFUSÃO* c/ORLANDO COHEN

sexta-feira, julho 17, 2009

Cut My Skin no festival Smash Sexism!





Outside is war and in my heart Sometimes it..s tearing me apart Go thru the surface to the ground Another stitch, another round Defiantly Every scar did make me stronger Defiantly There were years that were so bad Defiantly Every breath is to discover Defiantly That wont take my hope away A nourish rage everyday The wounds will heal, there..s more to take I never choose the easy way Defiantly ... In the end we..re all the same The same hot blood inside a vein I..m not scared to feel alive The hell is here without a knife Cut my skin Defiantly ...